Visite nosso site
CARREGANDO...
Ensino

Saiba quais as 7 áreas de TI mais bem pagas atualmente

No items found.
Ensino

Saiba quais as 7 áreas de TI mais bem pagas atualmente

A área de tecnologia conta com diferentes especializações e caminhos promissores. Os profissionais que desenvolvem habilidades no setor de TI acabam adquirindo diferenciais importantes que são bastante valorizados hoje no mercado de trabalho entre os empregadores.

Para adquirir conhecimento, é fundamental investir em um curso superior de qualidade para ter uma boa formação acadêmica. Existem inúmeras opções de graduações para quem se interessa por tecnologia, mas é importante conhecer cada alternativa antes de tomar uma decisão.

Pensando nisso, listamos a seguir as sete áreas de TI mais bem pagas atualmente para ajudar você a optar por um curso de ensino superior de acordo com o seu perfil. Confira!

1. Desenvolvimento de sistemas

Um desenvolvedor de sistemas atua no contato com os clientes e no acompanhamento de projetos. O profissional do setor deve conhecer bem as diferentes linguagens de programação, ter conhecimento de gestão de processos e de sistemas de informação.

Este é um cargo de liderança, em que o desenvolvedor é responsável por gerenciar todos os processos e operações relacionados aos serviços de tecnologia. Ele ainda pode administrar equipes e colaboradores, definindo quais são as etapas e as operações que serão conduzidas. Para se diferenciar na profissão, uma boa indicação é realizar uma especialização em gestão de pessoas.

2. Administração de banco de dados

Já um administrador de banco de dados é responsável por gerenciar e alterar o database de uma empresa. Além disso, o profissional especializado na área realiza a manutenção e a exclusão de dados. O setor está em alta justamente devido à popularização do banco de dados, que representa uma solução para empreendimentos de diferentes portes.

Quem se qualifica para atuar como administrador de banco de dados deve garantir segurança, disponibilidade e eficiência no sistema. Para isso, é necessário ter um bom conhecimento em arquitetura da base de dados, experiência e uma formação acadêmica de excelência.

3. Business Intelligence

Outra carreira promissora é a de Business Intelligence (BI). O colaborador de BI realiza a coleta, análise e compartilhamento de dados com os seus clientes e parceiros. Um papel fundamental de um BI é se basear nos dados para tomar decisões e preparar relatórios analíticos.

Portanto, o profissional de BI utiliza os dados para promover transformações nos empreendimentos. Ele também pode usar os dados como base para pesquisas, soluções internas, entre outras funções, sempre atuando de forma profunda e eficiente para analisar da melhor forma as informações.

4. Usabilidade (UX)

Um especialista em usabilidade (UX) atua com foco principal nos aspectos do desenvolvimento de um produto, como design e funcionalidade. O profissional deve se basear na jornada de compra dos usuários, identificando quais são as oportunidades que os produtos e o negócio em si podem promover aos consumidores.

O intuito de um colaborador de UX é garantir a eficiência e a facilidade de interação dos aplicativos e sistemas, verificando se há a necessidade de melhorias ou inovações. Hoje, um UX é altamente requisitado em empresas com forte presença virtual e em empreendimentos que desejam obter crescimento no comércio eletrônico.

5. Segurança da informação

Quem atua nesta área é responsável por assegurar a integridade, legitimidade e autenticidade das informações, como dados pessoais, bancários, entre outros. O profissional desenvolve criptografias, protocolos de segurança, certificações e assinaturas digitais, impedindo que o banco de dados seja acessado por usuários não autorizados.

O especialista em segurança da informação deve estar atento às tentativas de invasão e em possíveis brechas nos sistemas. Para isso, é fundamental estar sempre atualizado em relação às novas tecnologias, até mesmo para se manter à frente de criminosos virtuais que podem aproveitar as falhas para agir de forma maliciosa.

6. Gestão de projetos

Já um gestor de projetos tem a função de planejar, organizar e direcionar um projeto de desenvolvimento de software. É papel do colaborador garantir que os projetos sejam entregues dentro do prazo, sempre respeitando o orçamento disponível e o escopo de trabalho.

Os profissionais têm o potencial de determinar a trajetória de um negócio, já que auxiliam a reduzir custos e a maximizar os lucros, sendo uma área que demanda bastante responsabilidade. Isso porque a tecnologia se tornou um componente essencial em praticamente todos os empreendimentos, independente se a empresa é ou não do ramo de TI.

7. Engenharia de software

O engenheiro de software utiliza conhecimentos de computação como base para criar funcionalidades em um determinado programa. O profissional pode desenvolver novos aplicativos para dispositivos móveis, como smartphones e tablets, e também para sistemas operacionais mais complexos.

Ainda, ele é responsável por identificar as necessidades dos usuários e construir programas e softwares adaptados com melhorias. Esta é, sem dúvidas, uma das carreiras da área de TI mais bem pagas e procuradas, uma vez que a especialidade é fundamental em empresas, setores financeiros e indústrias.

O curso de Engenharia de Software proporciona uma sólida formação que auxilia os futuros profissionais a atuarem com a criação de sistemas eficientes e de alta qualidade. A graduação tem duração de quatro anos e seis meses, e apresenta uma grade curricular que se baseia em questões éticas, sociais, legais e econômicas, para além do conhecimento em tecnologia.

Com a expansão do mundo digital, o mercado de trabalho em Engenharia de Software é um dos que mais crescem atualmente. É possível atuar tanto em startups quanto em companhias de tecnologia, realizando a criação de sistemas específicos, aplicativos, jogos e plataformas digitais.

Além disso, o engenheiro de software pode fazer a manutenção e a revisão dos programas, a fim de elevar o desempenho e a produtividade. Ainda há a possibilidade de empreender no setor, abrindo o seu próprio negócio.

Conhecendo as áreas de TI mais bem pagas atualmente fica muito mais simples optar por uma carreira em tecnologia, não é mesmo? A indicação é buscar por conhecimento de qualidade para se profissionalizar, optando por uma instituição de ensino superior renomada. Com uma formação acadêmica de excelência, será mais simples ingressar no mercado de trabalho com diferenciais atrativos que os empregadores buscam em candidatos.

Quer aproveitar que o setor de tecnologia está em alta? Aproveite a visita e conheça mais sobre o curso de Bacharelado em Engenharia de Software do UniAcademia!

Deixe seu e-mail e receba gratuitamente nossos conteúdos sobre ensino superior, carreira e muito mais.

Obrigado! Cadastro realizado!
Algum erro aconteceu. Tente de novo!
INSCREVA-SE PARA RECEBER NOSSAS NOTÍCIAS

Receba as novidades em seu e-mail

Fique por dentro dos  eventos, notícias e conteúdos da Faculdade Arnaldo.

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form.