Visite nosso site
CARREGANDO...
mercado de startups
No items found.

O mercado de startups está bem aquecido no Brasil, alcançando novas levas de investidores. Esse modelo de negócio tem atraído tanto jovens inovadores e empreendedores quanto pessoas experientes com carreira consolidada.

As startups conseguem atender às necessidades dos clientes em relação a soluções mais ágeis para os seus problemas. Ainda que guarde algumas semelhanças, esse tipo de empresa é bem diferente da tradicional.

Quer saber mais sobre o mercado de startups e como se preparar para ele? Então, continue a leitura!

Quais são as diferenças entre startups e empresas tradicionais?

Em meados da década de 90, nos Estados Unidos, surgiu o termo startup. Essa expressão inglesa significa colocar algo em movimento: remete, portanto, à ação. Então, basicamente, é uma empresa que inicia os seus primeiros passos no mundo dos negócios, apresentando as seguintes características:

  • escalabilidade: crescimento constante, adquirindo novos clientes sem precisar gastar muito por isso;
  • inovação: desenvolvimento de produtos ou serviços que são novos ou ainda não foram muito explorados;
  • repetição: a empresa deve ser repetível para conseguir entregar o mesmo produto ou serviço em larga escala, ou seja, não pode fazer constantes modificações;
  • disruptividade: para conseguir quebrar com os padrões do mercado, a startup deve ser disruptiva, tornando-se, assim, mais competitiva;
  • flexibilidade: em meio a altos e baixos, é importante ser dotado de flexibilidade para acompanhar as mudanças.

Já as empresas tradicionais surgem pela necessidade, e não por uma oportunidade, como é o caso das startups. Com isso, o planejamento é voltado para a sobrevivência e o retorno do valor que foi investido.

Aliás, esse planejamento costuma ser mais rígido, resultando em um crescimento menor. Isso porque a organização não sofre tantos riscos e a concorrência é maior, o que pode gerar um crescimento limitado.

Desse modo, as startups são bem diferentes das empresas tradicionais, o que chama a atenção de quem tem um perfil inovador e não tem medo de tentar algo novo. Com isso, o mercado tem crescido bastante no Brasil, e quase metade do número de empresas desse tipo está na região Sudeste, embora o mercado esteja se descentralizando.

Ainda assim, é possível perceber um crescimento dessas empresas em outras regiões fora do eixo Belo Horizonte, São Paulo e Rio de Janeiro. Outra novidade é que, há poucos anos, as startups eram focadas nas empresas, ou seja, eram B2B. Agora, observa-se uma mudança para o público B2C, que é o consumidor final.

Por que vale a pena entrar para o mercado de startups?

As startups nasceram para disputar espaço com as empresas tradicionais, pois oferecem ambientes de trabalho dinâmicos, atrativo e aberto para projetos colaborativos. Veja abaixo outros benefícios desse mercado.

Mercado em constante expansão

O número de startups no Brasil aumentou 20 vezes nos últimos 8 anos. Para os próximos, a tendência é que essa porcentagem continue crescendo, já que o modelo de negócio está cada vez mais presente no nosso dia a dia. Nos smartphones, na maneira como as pessoas compram e se comunicam estão as ferramentas de startups prontas para atender às necessidades de um público exigente.

O Brasil é um grande centro de negócios digitais e vem atraindo o investimento de muitas empresas interessadas em agregar profissionais que desejam entrar no mercado de startups, bem como consumidores que almejam se beneficiar desse mercado.

Networking

Principalmente para as novas gerações, trabalhar com pessoas incríveis em empresas que valorizam o potencial humano vem se tornando um dos principais fatores na hora de buscar um emprego. Ambientes de startups reúnem essas características, possibilitando que todos consigam ter uma grande troca de experiências.

As equipes crescem juntos e precisam estar abertas para soluções criativas, que agregam o máximo de pontos de vista. Isso é um grande atrativo aos profissionais que desejam manter o networking crescendo e visando às oportunidades futuras.

Eventos e feiras do segmento da empresa também contribuem para essa troca. Além disso, não deixe de gerar valor ao segmento no qual você atua e atualize seu perfil no LinkedIn!

Possibilidade de novas experiências

É comum que o profissional de statups precise lidar com projetos que não fazem necessariamente parte do seu conjunto de aptidões. Essa pode ser a chance de obter novas experiências, aprender outras habilidades (em especial as socioemocionais) e acelerar o crescimento da carreira.

Outra característica em destaque do mercado de startups é que os profissionais podem aprender com o erro. Afinal, esse mercado motiva todos a saírem constantemente da zona de conforto e testar os seus pontos fortes. É possível ajudar outros setores, entender como funciona o trabalho das demais áreas e aprender a usar a criatividade.

Flexibilidade

A flexibilidade no mercado está nos mínimos detalhes, como nas roupas exigidas no ambiente de trabalho. Nas statups, a regra é o dress code livre, isto é, permitir ao profissional usar tênis, bermuda, chinelo, vestido ou qualquer outro estilo que o deixe a vontade para trabalhar e produzir. É um dos diferenciais em comparação a empresas mais tradicionais.

Seu trabalho rende mais quando você está feliz e confortável para fazê-lo. É por isso que a flexibilidade faz parte da identidade das startups. Também se aplica à questão de horário, com possibilidades de trabalho remoto, sendo outra abertura para garantir o máximo de desempenho dos profissionais.

Como se preparar para o mercado de startups?

Como pôde notar, o mercado de startups está em expansão constante, o que revela a necessidade de os profissionais se adaptarem a esse recente modelo de negócio. Afinal, o modo de atuar nela é bem diferente se comparado ao das empresas tradicionais.

Pensando nisso, elaboramos algumas dicas com o objetivo de ajudar você a se preparar para esse tipo de organização. Veja a seguir!

Estude o mercado

O primeiro passo para se dar bem no mercado de startups é conhecê-lo. Para isso, invista no estudo sobre esse assunto para adquirir o máximo de conhecimento sobre ele. Isso significa que é necessário aprender acerca da estrutura do negócio, lembrando que ela é focada em uma oportunidade e uma ideia.

Além disso, o espírito organizacional é constantemente estimulado, pois os colaboradores se unem para participar do crescimento da empresa. Por fim, não esqueça que o alto risco e a incerteza acompanham o negócio, exigindo bastante proatividade. Desse modo, existem diversas peculiaridades sobre esse universo — e é importante estar a par de todas elas.

Saiba o que está em alta

A cada período, surgem novas tendências no mercado, tornando necessário o seu conhecimento sobre elas. Por exemplo, as “martechs” estão na moda — startups que unem tecnologia e marketing. Nesse contexto, é possível observar um foco maior na produção e automação de conteúdo, gestão de relacionamento e análise de dados dos consumidores.

Dessa forma, é importante estar atualizado sobre esses assuntos a fim de direcionar o seu aprendizado para eles. Ainda assim, tenha em mente que a moda do momento pode passar em breve, então, tenha um olhar visionário e saiba perceber quais são os outros pontos que começam a ganhar a atenção das startups.

Ajude a empresa a ser original

Como dissemos, uma startup surge a partir de algo completamente novo ou pouco explorado. Portanto, para a empresa conseguir ter sucesso, é necessário ser original no mercado, ou seja, oferecer aquilo que poucos ou ninguém oferece.

Para isso, os colaboradores têm um papel fundamental, surgindo mais uma vez a necessidade da proatividade. Sendo assim, de modo a auxiliar a organização na busca por fornecer o novo, você deve ser dotado de conhecimento do mercado.

Demonstre vontade e responsabilidade

O ambiente de trabalho extremamente agradável não significa falta de seriedade e foco. Na verdade, é muito pelo contrário! Startups querem crescer juntas aos profissionais, por isso permitem que eles se sintam confortáveis para produzir. O retorno deve vir no cumprimento de prazos e na postura de responsabilidade e muita vontade.

Conheça o público-alvo

Existem startups voltadas a diferentes nichos, como logística, alimentação, educação, tecnologia e agronegócio. Desse modo, antes de começar a atirar para qualquer lado, é necessário que você escolha um deles para investir a sua energia.

Afinal, apenas assim será possível conhecer a fundo o seu público-alvo, o que é essencial para entender quais são as necessidades dele e, com isso, as possíveis soluções rápidas que a empresa pode oferecer.

Portanto, analise qual área desperta mais o seu interesse e foque nela, caso você ainda não trabalhe para startups. Já se atualmente atua em uma, continue aprimorando seu conhecimento sobre os consumidores.

Faça cursos especializados

Ao longo deste post, batemos na tecla sobre a importância do conhecimento e do estudo acerca do mercado de startups, não é mesmo? Isso porque o profundo saber em relação ao assunto é o melhor caminho para elaborar estratégias que levem ao sucesso profissional.

Nesse caso, o indicado é apostar em cursos voltados para esse modelo de negócio. Aliás, existem pós-graduações focadas na atuação em startup, o que pode ajudar você a adquirir credibilidade na área e, com isso, mais chances de conseguir uma promoção na empresa atual ou conquistar a vaga dos sonhos.

Como foi possível perceber, o mercado de startups no Brasil está bem aquecido e não existe previsão de regressão no crescimento. Por essa razão, não perca tempo e una a sua vontade com a dedicação para começar a seguir nossas dicas e adentrar de vez nesse novo mundo.

Gostou das dicas? Então, ajude outras pessoas a ter acesso a essas informações sobre o cenário das startups no país. Basta compartilhar este conteúdo na sua melhor rede social!

CLIQUE AQUI PARA BAIXAR O ARQUIVO

Tags

No items found.
INSCREVA-SE PARA RECEBER NOSSAS NOTÍCIAS

Receba as novidades em seu e-mail

Fique por dentro dos  eventos, notícias e conteúdos da Faculdade Arnaldo.

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form.